quinta-feira, 8 de novembro de 2007

Evangelismo

Evangelismo
Jesus recebeu todo poder. Ele mandou ensinar às nações , batizando-as e ensinando-as a guardar
tudo e está conosco: (Mt.28:16-20; Mc.16:15; Lc.24:46-48; At.1:3-12).
* PODER: • Jesus tem toda autoridade; autoriza, comissiona, manda e envia sua igreja para
evangelizar , batizar novos convertidos e ensiná-los no Conselho de Deus através do poder do Espírito
Santo (Mc.6:7; Lc.9:1; Jo.1:12);
* O IDE: • Perguntar diligentemente por Jesus (Mt.2:8); • Expulsar os demônios (Mt.8:32); •
Aprender sobre sua misericórdia (Mt.9:13); • Buscar as ovelhas perdidas (Mt.10:6); • Convidar para as
Bodas todos os que encontrardes (Mt.22:9); • Anunciar que Jesus ressuscitou (Mt.28:7); • Anunciar os
milagres de Deus e seu Evangelho (Lc.7:22); • Fazer discípulos (Mt.28:19); • Pregar o Evangelho a toda
criatura (Mc.16:15); • Como cordeiros no meio de lobos (Lfc.10:3); • Ajudar os necessitados (Tg.2:16);
* O ENSINO: • Nosso privilégio, responsabilidade e obrigação. (Rm.12:7; Rm.15:4; 1 Co.4:17).
* O BATISMO: • Arrependimento (Lc.3:3); • Inseridos na morte de Jesus (Rm.6:4); • Sepultados
nEle e imersos no seu poder (Cl.2:12;) • Indagação de uma boa consciência pela Ressurreição (1
Pe.3:21);
Escolha quem quer evangelizar: Orando por elas, procurando servir em algo como ponto de contato no relacionamento;
• Envie mensagens relevantes à situação da pessoa: Não mande qualquer mensagem que faça a pessoa se ofender, mas que seja sensível à necessidade do momento da pessoa.
• Sempre envie comentário amigável com a mensagem: Mande mensagens sinceras, identificando o motivo de ter mandado a mensagem a tal pessoa.
• Demonstre Respeito: Se a pessoa continuar a demonstrar o seu desejo de receber mensagens.Image Hosted by ImageShack.us

* Evangelização por site(criação de uma página na Internet);
* Evangelização por cartas (expedir pelo Correio em nome do dono da casa e pedir que seja lida
em família);
* Evangelização por panfletos ( produzir e distribuir por toda a cidade);
* Evangelização por adesivos- em casas e carros(produzí-los ou adquirí-los e vendê-los a preço
de custo ou doá-los);
* Evangelização por artigos especializados (escrevê-los e publicá-los na mídia. Lutar para
conseguir um espaço para as mensagens de Deus na imprensa

A evangelização pessoal ocorre das seguintes maneiras:
* Evangelização Pessoal é o que o nome reflete: compartilhar o evangelho pessoalmente com indivíduos. É a evangelização um a um, pessoa a pessoa. Todos os outros métodos de evangelização
combinados nunca evangelizarão o mundo sem a evangelização pessoal.
* TESTEMUNHO SILENCIOSO:
Você é uma testemunha silenciosa do Evangelho por seu estilo de vida cristão.
Sua vida será um testemunho de algo, intencionalmente ou não. Se sua vida não está em harmonia com seu testemunho verbal do Evangelho, ela impede as pessoas de responder à salvação.
Ainda que a conduta cristã seja o testemunho silencioso mais forte, algumas pessoas também levam enfeites ou colocam quadros com versículos em sua casa, negócio ou automóvel. Às vezes estas coisas levam a um testemunho verbal quando uma pessoa não cristã pergunta sobre elas.
* DISTRIBUIR PANFLETOS OU FOLHETOS EVANGELÍSTICOS:
Os folhetos evangelísticos são mensagens curtas da Palavra de Deus impressas comercialmente em pequenos pedaços de papel. Eles são de pouco peso e baratos, podendo levar grandes quantidades e distribuí-os livremente a aqueles com quem você entra em contato.
Você pode dar um folheto evangelístico a qualquer um - àqueles com quem você faz negócio, amigos e parentes, inclusive às pessoas com quem você se encontra na rua. Você pode anexá-os nas cartas que você escreve e deixar nas bibliotecas, lojas, restaurantes e
escritórios. Você também pode colocá-os nos ônibus, estações de ter ou de metrô, ou até mesmo em aviões. Quando você entregar uma porção do Evangelho pessoalmente a alguém diga,
“Aqui está algo bom para a leitura” ou “Aqui está algo que mudou a minha vida e eu gostaria de compartilhar com você”. Declarações como estas freqüentemente levam a um testemunho verbal do Evangelho.
Quando você selecionar os folhetos para a evangelização pessoal, considere as seguintes perguntas: * O folheto responde à pergunta que alguém realmente está fazendo? Se ele responde, as
pessoas se interessarão em ler.
* É breve? A mensagem deve ser curta e concisa ou as pessoas podem se cansar de ler antes de
concluir a mensagem. * Fala positivamente, sem criticar outra fé?
* Usa idioma religioso que as pessoas não salvas não entenderiam?
* O tipo da letra é grande o suficiente para ser lido facilmente?
* O folheto compartilha a mensagem básica do Evangelho?
* Oferece uma oportunidade para responder e aceitar a Jesus Cristo como o Salvador?


Orientando Vidas em Amor
Escreva o endereço do nosso site, ou de sua igreja, com o telefone, em alguma parte do folheto
para que, caso a pessoa queira ajuda espiritual adicional, ela possa ir até lá.
Muitos folhetos produzidos comercialmente proporcionam um espaço em branco para isso.
Um folheto não é um substituto para o testemunho verbal, porém um suplemento a ele.
O seu valor é que pode dar continuidade a seu testemunho depois que você vai embora.
Uma das ferramentas que menos damos importância são os folhetos.
A literatura impressa é uma arma poderosa no evangelismo pessoal.Poderá’ ser que alguém
queira discutir com você,mas com um folheto ninguém discutira’.
Entretanto precisamos tomar alguns cuidados com os folhetos.
a) Ao sair para o evangelismo não amasse os folhetos, se possível ponha-o em uma pasta onde eles poderão ficar sempre no estado em que você os comprou. Ninguém gosta de ler um folheto todo
amassado. É horrível!!
b) Não deixe-os ficar molhados com o suor de suas mãos, sempre entregue-os em perfeito estado ao pecador.
c) Prefira folhetos coloridos, que chamam a atenção.As vezes é preferível pagar um pouco mais
em um folheto atraente, do que em um outro, mais barato, que ninguém irá se interessar.
Existem várias editoras no Brasil que possuem catálogos de folhetos, é sempre útil ao evangelista
possuir um ou mais catálogos para sempre se dispor de variedades.
d) Entregue o folheto apropriado à pessoa certa.
Por exemplo: a um jovem não entregue um folheto que serviria para uma criança e vice-versa.

Os folhetos são como remédios, para cada tipo de enfermidade, um tipo de medicamento.
Assim também são os folhetos. Para um doente um folheto que fale sobre cura, a uma pessoa aflita,um folheto que fale sobre esperança.O evangelista pessoal deve sempre ter em mãos vários tipos de folhetos (Eu por exemplo, possuo uma coleção com vários títulos,desta maneira posso sempre saber
qual vou usar em cada ocasião) .

e) Leia sempre a mensagem de todos eles, você precisa saber do que se trata para falar ao pecador.
f) O folheto deve sempre ter atrás, o carimbo da igreja com o endereço e dias de culto de modo legível. Quantos testemunhos há’ de pessoas que se converteram através de um folhetinho!

Como Entregar um Folheto:

a) Entregue o folheto sempre sorrindo.Um evangelista nunca irá conquistar uma alma oferecendolhe
um folheto com a cara fechada ou sem mesmo olhar na pessoa! Portanto, seja jovial.
b) Entregue o folheto debaixo de oração.
Ora antes, durante e depois de entregá-lo.
Os demônios fazem de tudo para atrapalhar a obra de evangelização
.

c)
Não force ninguém a pegar o folheto.
Quando a pessoa rejeitar não tente forçá-la, isso só piora a situação, mesmo por que, a pessoa esta no direito dela de rejeitá-lo.
Agradeça de modo gentil e não a ameace com versículos bíblicos ou coisas do gênero.

* TESTEMUNHO VERBAL:
Ainda que um testemunho silencioso e dar folhetos sejam eficazes, lembre-se que eles não são tudo o que a Grande Comissão exige. Ela exige que você compartilhe o Evangelho verbalmente.
O testemunho verbal na evangelização pessoal normalmente se faz numa base informal em lugar
de uma pregação ou ensinamento formal.
Ele pode ser feito por ir de casa em casa compartilhando o Evangelho.
Ele pode ser realizado em casas para anciãos, hospitais, prisões, escolas, negócios e nos eventos evangelísticos especiais.
Você pode compartilhar o Evangelho pessoalmente com os amigos, parentes, vizinhos e companheiros de escola e negócios.
Você pode fazer a evangelização pessoal tornando-se um conselheiro numa cruzada em massa ou um obreiro na hora do apelo numa igreja local.
Orientando Vidas em Amor
Na evangelização pessoal, você pode compartilhar o Evangelho com qualquer um com quem você entra em contato. A evangelização pessoal pode ser feita num estilo de entrevista, como Jesus fez com
a mulher no poço em João 4.
Você pode enfocar em algo que você observa uma pessoa fazer ou numa necessidade visível que
você poderia ver que elas têm. Você pode fazer-lhes perguntas que insinuam a resposta e que proporcionam oportunidade de compartilhar o Evangelho.
A evangelização pessoal pode ser feita compartilhando com outros o testemunho do que Jesus tem feito em sua vida. Em João 4, a mulher Samaritana voltou à cidade e compartilhou sua experiência
pessoal. Como resultado, muitas pessoas vieram a encontrar-se com Jesus e ouvir o Evangelho.
As Escrituras registram que...“Muitos samaritanos daquela cidade creram nele, em virtude do
testemunho da mulher, que anunciara: Ele me disse tudo quanto tenho feito” (João 4.39).Image Hosted by ImageShack.us

O testemunho da mulher foi breve, porque ela pouco conhecia do Senhor. Ela simplesmente disse, “Ele me disse tudo quanto tenho feito”.
O que ela conhecia do Senhor era uma realidade para ela. Foi um conhecimento de primeira mão e Deus usou maravilhosamente as Suas palavras.
Deus abençoará o testemunho vacilante de um novo crente que conhecer pessoalmente o que ele fala mais do que a mensagem teologicamente correta de alguém que está pregando coisas que não são
reais em seu próprio coração.
Compartilhar a história de como você veio a conhecer a Jesus e o que Ele significa para você é uma poderosa ferramenta evangelística.
Seu testemunho tira a Jesus das páginas da Bíblia, para fora da religião e da igreja, e o apresenta vivo e ativo hoje. As pessoas podem rejeitar a Bíblia ou a religião, porém elas não
podem negar a realidade de uma verdadeira experiência.
Uma pessoa armada com uma experiência nunca estará à mercê de alguém com um argumento!
Se você está nervoso sobre dar seu testemunho, é útil escrevê-lo e estudá-lo antes de compartilhá-lo com outros. Aqui estão algumas perguntas para pensar sobre como você prepara seu testemunho:
* O que o levou a começar a pensar sobre Deus?
* Como você veio a conhecer a Jesus?
* Que diferença faz conhecer o que Ele havia feito em sua vida?
* Que diferença ele tem representado em sua família?^
* Como sua vida tem mudado?
* Que coisas maravilhosas ou milagrosas têm ocorrido? (por exemplo, você foi curado ou foi
libertado de drogas ou álcool?).
Depois de escrever seu testemunho, compartilhe-o primeiro com um amigo cristão.
Peça-lhe para sugerir mudanças que possam ajudá-lo a levar um incrédulo ao Senhor.
Então, pratique seu testemunho até que você possa compartilhá-lo sem usar as anotações.
A evangelização pessoal pode incluir o compartilhar de uma canção com alguém. (Salmos 40.3).
A canção de louvor a Deus é um testemunho que pode produzir a salvação de muitos.
COMO LEVAR ALGUÉM A CRISTO
A meta de toda evangelização pessoal é conduzir homens e mulheres, rapazes e moças, a pedir o
perdão de pecados e receber ao Senhor Jesus Cristo como Salvador.
Durante os anos se tem desenvolvido muitos métodos para levar alguém a Jesus, método que
usam diferentes números de pontos e várias abordagens para compartilhar o Evangelho.
Enquanto coisas assim planejadas possam ser úteis, nenhum método de evangelização funcionará em toda ocasião.
Cada pessoa a quem você testifica é diferente, com diferentes necessidades e problemas.
Estas diferenças requerem várias abordagens em lugar de usar pontos rotineiros memorizados.
Você precisa ser sensível à liderança do Espírito Santo, pois Ele é quem atrai os homens à salvação.
Ele sabe exatamente o que a pessoa a quem você está dando testemunho necessita, porque Ele sonda o coração do homem.

Uma coisa que todas as pessoas não-salvas têm em comum, sem dúvida, é o pecado e a necessidade de um Salvador.
Devido a isso, sem ter em conta como o Espírito Santo pode levá-lo a compartilhar o Evangelho, seu testemunho sempre deve enfocar na meta de levar a essa pessoa a Cristo. Para alcançar isso, em alguma parte da apresentação, seu testemunho pessoal deve incluir o seguinte:
FECHAMENTO - CONVITE E RESPOSTA:
No mundo comercial, a palavra “fechar” é muito importante. “Fechar” significa concluir uma venda com uma resposta positiva do provável comprador. Fechar também é importante na evangelização
pessoal. Quase persuadir alguém a aceitar a Jesus não é bastante parta salvá-a do inferno.
Como numa negociação que demora em ser fechado, esperar para fazer uma decisão depois
freqüentemente resulta numa resposta negativa.
Os líderes no mundo dos negócios ensinam que fechar uma transação começa no minuto em que eles iniciam sua técnica de venda com o provável comprador. Eles conseguem que a pessoa faça
acordos pequenos com eles ao longo da apresentação. Isto leva ao acordo final para comprar seu produto. Compartilhar o Evangelho sem proporcionar uma oportunidade de responder é dar testemunho,
porém não é evangelização. Nós somos chamados a ganhar, não somente para testificar.Fechar sua apresentação do Evangelho é perguntar, de alguma maneira, duas coisas:

1. “Você entendo que eu falei?” Isso proporciona a oportunidade de esclarecer qualquer dúvida
ou objeções e assegurar-se de que a pessoa entendeu antes de você requerer a última resposta.
2. “Você gostaria de confessar a Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador?” Guie a pessoa em uma oração pedindo perdão dos pecados e aceitando a Jesus Cristo como Salvador. Sempre recorde que na evangelização pessoal você está fazendo muito mais do que vender um produto ou promover uma igreja ou denominação. Você está tratando do destino eterno das almas.
A entrada no Reino de Deus é similar a aceitar um convite para as bodas, como Jesus implicou em sua parábola sobre as bodas em Mateus 22.2-5. Somente aqueles que respondem positivamente ao convite podem entrar. Não é suficiente dizer, “eu planejo ir”.
Quando Jesus disse aos Seus discípulos, “Sigam-me, e eu os farei pescadores de homens”
(Mateus 4.19), Ele estava dando um exemplo natural de uma verdade espiritual. Nenhum pescador simplesmente Lança sua linha ou rede. Ele também deve lançar para pegar alguma coisa.
ACOMPANHAMENTO - DISCIPULADO:
Na Grande Comissão registrada em Mateus 28.19-20, há dois tipos de ensino mencionados.
Primeiramente está o compartilhar do Evangelho pata levar as pessoas à salvação.
O segundo é o ensinamento dos novos convertidos depois que recebem ao Senhor.
A evangelização (o primeiro tipo de ensino) não está completo sem o discipulado (o segundo tipo).
Todos os novos convertidos devem receber o ministério de acompanhamento depois de terem
recebido a Jesus como Salvador.
Acompanhamento imediato inclui convicção de salvação, confessar a Cristo publicamente, batismo nas águas, enchimento do Espírito Santo,desenvolvimento de uma vida devocional, e tornar-se parte de uma igreja local.

MEIOS DE EVANGELIZAR NA CIDADE:
• Programas de Rádio e Televisão; • Adesivos para Veículos;
• Revistas e Jornais para autoridades e consultórios médicos e odontológicos;
• Apresentação de corais, bandas e conjuntos em público, em praças, em escolas, em bancos, em repartições; • Distribuição de Bíblias a autoridades; • Literaturas (folhetos) bem selecionados;
• Exposição de Bíblias e de literatura evangélica; • Artigos em jornais da Cidade;
• Telefonemas para aconselhamento; • cartas e cartões-postais; • Filmes Bíblicos em telões, etc.

2 comentários:

WENDY CHRISTINE disse...

MUITO OBRIGADA, ESTE BLOG ME FOI MUITO UTIL, POIS JA ESTAVA SENTINDO EM MEU CORAÇÃO DE EVANGELIZAR E AGORA JA SEI COMO COMEÇAR...........DEUS O ABENÇÕE GRANDEMENTE.......

є∂мαяα мιѕѕõєѕ αтé σ αяяєвαтαмєηтσ●•ツ disse...

Olá eu amo evangelizar, eu apoio qualquer trabalho com esse propósito. Visite o meu blog http://edmaramissoes.blogspot.com